Política

Você está aqui: Página Inicial / Política / ONU: Serra está com Bibi ou Obama?

ONU: Serra está com Bibi ou Obama?

A subserviência o esconde embaixo da mesa
publicado 27/12/2016
Comments
Bessinha Temer.jpg

O Ministro (sic) das relações exteriores vive um drama de partir as vísceras.

Como se sabe, Obama impediu que os EUA vetassem uma decisão do Conselho de Segurança que condena os assentamentos de Israel, promovidos pelo mega-autoritário, Bibi Netanyahu, de forte inclinação despótica e incontrolável sentimento expansionista.

Bibi imediatamente reagiu: comigo não tem esse negócio de oferecer a outra face.

E avisou que vai continuar a assentar colonos israelenses.

Um dos primeiros atos sinistros do Padim Pade Cerra foi rever uma histórica decisão da diplomacia brasileira e ajoelhar-se numa postura súcuba diante dos Estados Unidos (os EUA de então) e de Israel , na ONU.

E agora que os Estados Unidos de Obama romperam a longa tradição de alinhamento automático com Israel?

Como estará o nosso (deles) chanceler?

Deve estar debaixo da mesa do gabinete do Itamaraty: doido para que ninguém lhe pergunte quem são os membros dos BRICs, nem que tem razão - se Obama ou Bibi.

Certamente, ali, debaixo da mesa, ficará até a posse do Trump, que dará razão a Israel - invariavelmente.

Em termos.

Até que faça as contas - dever e haver - de quanto custa o apoio americano a Israel, quando os EUA não dependem mais tanto do petróleo do Oriente Médio...

Que preço os Estados Unidos pagam para sustentar o insustentável, moral e politicamente: a política dos assentamentos do Bibi.

É duro ser dependente.

Não é isso, FHC?

Às vezes, a coluna verga!

E é preciso ficar de joelhos!

PHA