Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Publicado em 28/04/2012

Rodrigo: a 3a derrota do Kamel. Chega de “racismo cordial”

O Conversa Afiada reproduz excelente artigo de Rodrigo Vianna no Escrevinhador:

O Conversa Afiada reproduz excelente artigo de Rodrigo Vianna no Escrevinhador:

A terceira derrota de Ali Kamel: 10 x 0!
Brasil vira a página do “racismo cordial”


Não somos racistas!

por Rodrigo Vianna


O Ali Kamel, diretor da Globo, levou uma sova no STF. Por 10 x 0 (dez votos a zero), o tribunal decidiu que são constitucionais – sim!!! – as quotas para negros nas universidades brasileiras.


Kamel, como se sabe, nega que haja racismo no Brasil. “Não somos racistas” é o título de um livro dele. Kamel é contra as quotas. E não está sozinho. Outros ideólogos contra as quotas são Demetrio Magnoli, ex-trotskista hoje especializado em dizer o que a Globo gosta de ouvir, e Demostenes Torres, amigo de sala e cozinha de Carlinhos Cachoeira.


Foi a terceira derrota acachapante sofrida por Ali Kamel em 6 anos. Em 2006, ele apostou tudo contra a reeleição de Lula. Eu trabalhava na Globo, e vi de perto todo o processo. A indignação seletiva nos telejornais, a forma como os aloprados eram sempre caracterizados como “do PT”, enquanto os tucanos eram tratados como “funcionários do governo anterior”, a forma como se escondeu o que havia no famoso dossiê contra Serra que os “aloprados” supostamente iriam comprar, a maneira como o “dinheiro dos aloprados” foi parar no JN na antevéspera do primeiro turno, a trama do delegado Bruno exposta pelo Azenha e depois pela CartaCapital… Tudo isso é história – que um dia precisa ser contada com mais detalhes.


O bombardeio da Globo contra Lula começara antes, em 2005, na cobertura do chamado Mensalão. O jornalista Marco Aurélio Mello escreveu um belo texto sobre isso. A Globo queria “sangrar Lula”, para derrotá-lo nas urnas em 2006. Aliou-se até ao pequeno ACM Neto. Não deu. Ali Kamel perdeu feio.


Em 2010, Ali Kamel pôs a Globo contra Dilma. Quem não se lembra do episódio da bolinha de papel? O perito Molina – que já atuara a favor de Kamel em causas pessoais do diretor da Globo no Judiciário – foi usado no JN para criar a teoria de que Serra fora atingido por um misterioso objeto. Só faltou acharem um Lee Osvald! A Globo passou ridículo. Serra virou Rojas. E Ali Kamel perdeu pela segunda vez.


A terceira derrota veio agora, no STF. “Ninguém assistiu ao formidável enterro de tua última quimera”. Ninguém encampou a tese kameliana de que quotas seriam uma forma de “acirrar” as disputas raciais no Brasil. Demóstenes (recolhido à cozinha de Cachoeira) fez falta, porque era valoroso defensor dessa tese. Chegou a dizer, numa audiência pública, que o racismo não fora tão violento assim, e que a mistura entre negros e brancos se deu através de estupros cometidos pelos senhores, sim, mas que eram “consentidos” pelas escravas. Segundo ele, “uma história tão bonita de miscigenação”. Essa é a turma contra as quotas.


Ali Kamel é um pouco mais sutil. Mas também encampa teses estranhas: por exemplo, relativiza a cor da pele como elemento definidor da Escravidão no Brasil. Por que digo isso? Porque ele me falou sobre o tema numa troca de e-mails pessoal, em 2005. Eu cobrira, pela Globo, a visita a São Paulo de um enviado especial da ONU sobre racismo. A matéria não foi ao ar no JN. Kamel derrubou. Escrevi a ele no Rio, para saber o que acontecera. Trocamos e-mails de forma muito civilizada. E fiquei sabendo como ele pensava.


Já falei sobre isso numa entrevista a Marcelo Salles, mas sempre evitei dar detalhes dos e-mails, afinal a troca de mensagens se dera de forma reservada. Só que Ali Kamel não se importou com isso: usou os e-mails num processo judicial que move contra mim! Que deselegância! Usou para tentar provar que eu o tratava muito bem, e que depois passei a criticá-lo.


Sim, na troca de e-mails eu o tratei de forma cordial, como faço com todo mundo. Não tenho nada, absolutamente nada, contra ele pessoalmente. Nossas diferenças são políticas e jornalísticas, são formas diferentes de ver o mundo e de intervir no debate.


Desde o início do governo Lula, Ali Kamel se posicionou contra o Bolsa-Família (“assistencialista”, o certo era investir em educação),  contra o Prouni, contra as quotas (afinal, se “não somos racistas”, pra que quotas?).


Por isso, essa terceira derrota de Ali Kamel, no STF, deve ter sido a mais dolorosa. “Ninguém assistiu ao formidável enterro de tua última quimera”. Não apareceu ninguém para defender a “sociologia kameliana” no STF. Ele levou uma surra.


Nos e-mails de 2005, com alguma arrogância, tentou ensinar-me quem era Gilberto Freyre. Ali Kamel provavelmente acredite que é o novo Freyre, o novo formulador da “democracia racial” brasileira. Um Freyre incompetente. Porque mesmo entricheirado na emissora mais poderosa da América Latina, ele perde todas. Perde o debate no STF, perde as eleições, perde a capacidade de influir nas decisões do Estado brasileiro. Um bom sinal.


Clique aqui para ler “Cotas raciais: STF desmascara fraude da Globo

Comentários

  • Fred Azevedo

    Ali Kamel adora perder…Cerra, também… tudo a ver!

  • Fernando Azevedo

    Parabéns ao POVO brasileiro, PHA e o LULA. Fora “PIG”

  • clavier

    tudo bem. Vamos supor que a tese das quotas para negros seja uma verdade absoluta. E como ficam os brancos financeiramente desprovidos? E os índios? E os mestiços? Parece bonita essa tomada de atitude. Mas…

  • Marco

    Os filhotes de Ali Kamel se reproduzem como coelhos:

    Cotas e o “afro-coitadismo”

  • valramos

    se o numero de judeus que é bem pequeno no Brasil tem um numero elevado de membros ocupando postos na televisão, os descendentes de italianos e alemães que também desembarcaram no Brasil bem depois dos NEGR0S tomaram conta das vagas na televisão, então existe um impedimento claro do NEGR0 a atingir certos postos, é o raccismo explicito atestado pelos 10×0 dado pelo STF

  • valramos

    o STF ao aprovar a aplicação das cotas raciais nas universidades por 10×0, ratificou a existencia do raccismo no Brasil, quer avisar a socieade que uma parcela de pessoas são impedidas de ocupar certas posições por causa da cor da sua pele. Na televisão é facil comprovar essa tese do STF, o apartheid é claro e flagrante, é absurdo, os donos dos canais não faz cerimonia, na hora de escolher um apresentador, um ancora de tele-jornal sempre descarta o NEGR0 retinto de pele bem escura.

    • valramos

      Talvez eles pensem que a audiencia possa desabar, que os telespectadores possam se sentir mal, ter taquicardia, enjoo, sofre um AVC, um ataque cardiaco, ao ver um NEGR0 retinto de pele escura apresentando um programa por 1 hora, fazendo perguntas, dando opiniões, se posicionando sobre certos fatos, imaginem um Datena NEGR0? um Borys Casoy NEGR0? um Faustão NEGR0? um Silvio Santos NEGR0? os telespectadores irão jogar pedras nas suas televisões dentro de suas casas

  • nicolasn

    ….esses Kamels sao detestados até nos paises que eles adoram..tipo os States…por lá podem que sejam direitistas/mercenários, mas nao sao traidores à própria pátria.
    Lei de Médios Já qeu nos livramos desses parasitas metidos a jornalistas

  • Ronaldo Castro

    Nota DEZ para este artigo.Eu acredito que esta chegando o dia em que a GLOBO e o PIG vão morrer abraçadas.

  • Marat

    Mas que paulada (bem dada) no Kamelo – rsrsrs

  • Márcio Gaspar

    Fantástico estes dois trechos: “(…)Demetrio Magnoli, ex-trotskista hoje especializado em dizer o que a Globo gosta de ouvir,(…)” e este sobre a bolinha de papel “Só faltou acharem um Lee Osvald! A Globo passou ridículo. Serra virou Rojas. E Ali Kamel perdeu pela segunda vez.” kkkk Serra virou Rojas.

  • geraldo magela

    Quem é Ali Kamel? Um sujeito com o perfil que a Globo quer. Claro que se fosse um jornalista de categoria, ético e imparcial não estaria lá, simples assim. Nem vergonha o cara tem, porque escrever, dentre outras coisas, esse lixo de “Não somos racistas”. Não conheço ninguém que o leu, não ouvi nenhum comentário sobre o livro, mais um detrito de maré baixa, certamente. Ótimo que seus esforços contra a democracia resultaram em fracassos.

  • leonardo-pe

    mas ainda tem gente q aplaude esse Kamel.o”todo poderoso,sem voto”.cada vez q leio esses artigos sobre como trabalha esse”todo poderoso sem voto”,mais tenho vergonha do Povo q chama Lula de … (sim,ainda tem esses)!o Brasileiro é muito influenciado pela grande imprensa,infelizmente!

  • Julio Lopes

    Minha analise sobre esses fatos vai em outra direção, fico pensando como um sujeito praticamente anonimo da maioria da cidadania (conhecido sómente no meio profissional) consegue tanto poder, sem ter sequer um voto eleitoral. Uma grande mediocridade tornada publica tem espaço para multiplicar sua visão. Como é tenue a linha que garante ao cidadão um arbitrio sadio, pode ser bombardeado por retrogrados pensamentos a todo momento, trabalharem seu insconciente pegando-os muitas vezes desprevenido. Resguardadas a devidas diferenças, a Alemanha sucumbiu assim, deram voz a um louco que pegou um povo fragilizado, e deu no que deu. Temos que ter salvaguardas para defender o povo, por enquanto apenas da mediocridade.

  • Tony

    Kamel faria um bem intelectual à si mesmo se deixasse de ler o dissimulador Gilberto Freyre e suas fantasias de trópicos cor-de-rosa e passasse a ler “O Povo Brasileiro” de Darcy Ribeiro. O q esses sonhadores pensam da vida? Eles acham q dissimulações, ocultamentos, resignificações e outros malabarismos intelectuais podem apagar a ignorância, a doença, a fome, a violência, a humilhação, a dor, a revolta, enfim, toda a herança da escravidão??? Q doença povoa suas mentes ao ponto de fazê-los agir como se deuses fossem??? Eles ainda não se deram conta de q estão envolvidos em múltiplas esferas de ilusão, cada uma exigindo coerência significativa entre todas as outras, cuja coesão exige uma rede sem fim de racionalizações até q não reste mais suspeitas e vestígios da realidade???

  • wilson

    Virei seu fã, Rodrigo!
    PHA é a nossa trincheira. Talvez a última!!!

  • Régis

    Caríssimos
    Esta emissora é uma ameaça ao futuro de nossa nação. Temos que boicotá-la. De que forma? Em momento algum, não importando o que esteja transmitindo, nunca devemos deixar nossa TV sintonizada no seu canal. Simples assim. Em minha casa ela nem pega, junte-se a mim.

  • Cancão de Fogo

    Muito bem Rodrigo Vianna! É preciso, sempre, desmacarar esses tartufos! Mostrar ao Kamel que, por enquanto, ele tem o apoio dos Marinhos, mas não pode enganar o povo a vida toda. Uma hora dessa os próprios Marinhos, para se defender do naufrágio, chutam sua bunda!

  • Curió

    A tal figura levou uma surra de laço dobrado….Que beleza.

  • JDPIMENTEL

    A se os jornalistas da globo tivessem a coragem deste jovem, fossem mais idealistas e se preocupassem menos com os bolsos.

  • João-PR

    Tenho todas as críticas ao Gilberto Freyre. Esse escritor, oriundo da elite pernambucana, escreveu seus livros em um momento em que era necessário valorizar o trabalho (era Vargas). Logo, Freyre buscou coisas positivas na escravidão.
    Mesmo tendo essas ressalvas, admito que Gilberto Freyre era um cara inteligente.
    Quanto ao tal Kamel….jisuis!!! Se a direita depende de pensadores como esse, está perdida mesmo!! (e tomara que esteja ad eternum).

  • maria do ceará

    Kamel, vai dar uma voltinha de camelo no Saara, o clima lá está bem mais ameno pra voce do que aqui.

  • Carlos Taurus

    O Ali Kamel foi deselegante.

  • Urbano

    Espero que nesse extermínio do “racismo cordial” esteja incluído o estupro consentido da casa-grande em relação à senzala, conforme o demós do demo.

  • Carlos Cota

    Pau no PIG!!!!!!

  • Pereira

    Acredito que estão valorizando demasiadamente um serviçal de luxo ou um filósofo de “buteco”.

  • margarida vasconcelos

    Parabéns Vianna, em mais uma batalha contra o Stálin da Globo…

  • Luis R

    Ali, pede ou perde ajuda ao Cerra.

  • Genivaldo Noronha

    Ele irá perder é liberdade de expressão, mas não por decreto ou lei e sim por isolamento público.

  • EspaçoTempo

    Por que o Kamel não pede pra sair?

    Estou com vergonha alheia dele…

  • jair

    Caros, nunca tive tanto orgulho de ler pessoas consideradas “sujas”, vcs estão fazendo o bom BOM COMBATE,colocam o PIG com todo o seu poder na chinelo, nas cordas, entrincheirado após apanhar incessantemente.
    Um ou outro blog do PIG tenta imitar os Blogs Sujos, mas na blogosfera piguenta falta talento, falta sobretudo convicção de que estão do lado certo. No fundo, no fundo os blogueiros piguentos são apenas marionetes que, tal qual ventríloquos, expressam exatamente o que os patrões pensam e depois do espetáculo são guardados numa caixa até o dia posterior.

Deixe seu comentário

"O Conversa Afiada não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas ou que excedam 15 linhas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Conversa Afiada."

  •