Política

Você está aqui: Página Inicial / Política / A Comissão de "Justiça" do Senado está bichada!

A Comissão de "Justiça" do Senado está bichada!

Eles são muito tolerantes...
publicado 09/02/2017
Comments
CARAS DE PAU.jpg

Do Drive Premium do Fernando Rodrigues, sobre onze dos 27 titulares da Comissão de Constituição e Justiça que vão sabatinar (sic) o plagiador vil denunciado pelo Fel-lha.

Sem esquecer do Índio, que preside o Senado e o Congresso, o Justiça, que lidera o PMDB, e o Caju que lidera o Governo naquela Casa (de elástica tolerância...):

Eis quem está mencionado (nas delações da Lava Jato - PHA)


Há 11 dos 27 titulares da CCJ citados. Desses, 9 continuam encrencados. Eis a lista (todos negam ter cometido irregularidades):

- Edison Lobão (PMDB-MA): o presidente da CCJ é alvo de 2 inquéritos. É mencionado pelo delator Paulo Roberto Costa e também em supostas fraudes nas obras de Angra 3 (Rio) e Belo Monte (Pará). Dois inquéritos contra ele já foram arquivados.

- Eduardo Braga (PMDB-AM): executivos da Andrade Gutierrez acusam o senador de receber propina na obra da Arena da Amazônia, em Manaus.

- Jader Barbalho (PMDB-PA): 1 assessor de Sérgio Machado, Felipe Parente, disse em delação que o senador recebeu propina.

- Marta Suplicy (PMDB-SP): teria recebido R$ 500 mil via caixa 2 da Odebrecht, segundo executivos da empreiteira em SP.

- Valdir Raupp (PMDB-RO): Teria recebido propina de R$ 500 mil para sua campanha em 2010, segundo Paulo Roberto Costa.

- Gleisi Hoffmann (PT-PR): ré pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. É acusada de receber R$ 1 milhão.

- Aécio Neves (PSDB-MG): citado em delação da Odebrecht. Teria recebido cerca de R$ 15 milhões.

- Aloysio Nunes (PSDB-SP): citado como recebedor de propina da empreiteira UTC. Os valores seriam de R$ 300 mil de forma oficial e R$ 200 mil em caixa 2 para sua campanha ao Senado.

- Benedito de Lira (PP-AL): alvo de inquérito em que é suspeito de receber recursos ilícitos da Petrobras.